Aviões, elevadores e fé

Já pararam pra pensar no quanto é curioso que os meios de transporte mais seguros do mundo sejam justamente os que mais nos causam medo? Elevador, avião, metrô, helicóptero… provavelmente você conhece alguém que tem medo, senão uma fobia intensa e estruturada, de algum desses transportes – ou possivelmente você mesmo o tenha. No entanto,…

“Comprei Jujuba!” – meu livro de crônicas!

“Ser humano dá medo. E como! A gente é jogado numa vida doida pra burro e tem que aprender a dar conta de tudo!… Tem uns que conseguem, “se viram” que nem frango assado em televisão de cachorro, e parece que dá certo… Tem outros que não conseguem, talvez por serem quadrados demais. Tem outros…

Afinal, para onde vamos?…

Costumamos nos preocupar muito se vamos para o céu ou para o inferno. Em como será o tão aguardado julgamento… Porém, lendo um texto de Bento XVI (a encíclica Spe Salvi), me deparei com uma visão interessante: não é exatamente Deus quem nos julga, com um martelinho num tribunal, mas simplesmente nós que teremos que…

Chegamos a um ponto tão estranho…

que a maior ofensa que você pode fazer a alguém é discordar dele(a). E o outro vai se sentir ofendido e vai querer ofender de volta não só se você for agressivo no que diz, mas também se você simplesmente tiver argumentos fortes – mesmo se ditos com o maior cuidado do mundo. Temos que…

Direitos Humanos… para quem?

Lendo a Declaração Universal dos Direitos Humanos, nos deparamos com um artigo curioso, o de número 6: “Todo ser humano tem o direito de ser, em todos os lugares, reconhecido como pessoa perante a lei.” À primeira vista pode parecer óbvio considerar que “todo ser humano” é “pessoa”. Mas este, na verdade, é um detalhe…

A cabeça do “cidadão de bem”

Quando os Mamonas Assassinas morreram, lembro de ter ouvido de uma pessoa: “você vai ver quando fizerem autópsia desses corpos… vão ver que estavam todos drogados. Eles é que deviam estar pilotando o avião, cheios de droga… Por isso aconteceu o que aconteceu”. Levei um susto, na época, pois era uma pessoa que eu considerava…

Subiram dois homens ao templo…

Subiram dois homens ao templo para orar: um “cidadão de bem” e um “vagabundo”. O cidadão de bem, posto em pé, orava dentro de si desta forma: ‘Ó Deus, graças te dou porque não sou como os demais homens, que são ladrões, injustos, adúlteros, nem ainda como este vagabundo; vou ao templo toda semana, pago…

Saudades dos anos 90

Hoje eu acordei com uma certa saudade dos anos 90. Não necessariamente da cultura pop daquela época – que foi até legal, mas… nesse aspecto, acho que os anos 80 foram melhores – dá até vontade de ter nascido um pouco mais cedo, no fim dos 70’s, pra pegar o Balão Mágico (em vez da Xuxa) na segunda…